O Inimigo

23 de junho de 2016

formiga

As Adamantas

A história do Planeta Proibido propõe a visão de um futuro muito distante, tempo suficiente para uma espécie alcançar seu apogeu diante do colapso de outra, e ver-se novamente ameaçada apenas por estar no meio da grande engrenagem do cosmo.

Nesta história de ficção, o grande inimigo tem em média o porte de um Dog Alemão, porém com seis patas, mandíbulas poderosíssimas e se organiza em exército de milhares, comandadas por uma rainha gigante que passa a vida, de mais de cem anos, colocando ovos, minuto a minuto.

group-ant

A espécie que, mesmo mantendo seu hábito de milhões de anos de viver no subsolo,  cresceu e apoderou-se da superfície do planeta pela abundância de alimentos e por sua melhor adaptação às novas condições ambientais. As Adamantas, como são chamadas no livro, terão papel fundamental no enredo e no argumento da história.

 Classificação

Classe: Insetos
Ordem: Himenópteros
Família: Formicarídeos (Formicidae)

Comportamento

Além de ser alimentada pelo grupo de operárias que a rodeia, a rainha recebe outros cuidados especiais.

Outras operárias alimentam as larvas (que parecem com vermes brancos) e as transportam quando chega o momento de elas se fecharem em casulos, de onde sairão como ninfas.

As formigas aladas são uma casta sexualmente ativa, sua função e a reprodução. Depois elas voam para fundar novas colônias.

Entre as milhares de espécies de formiga que existem, é raro haver convívio pacífico. Na maioria das vezes, quando se encontram formigas de espécies diferentes, elas lutam até a morte.

A rainha fica cercada pelos ovos que ela continua pondo até uns dez ou quinze anos depois de morto o macho, pois o sêmen fica armazenado no organismo dela por todo esse tempo, sem estragar-se.

As operárias, que fazem todo o trabalho de abastecimento da colônia, alimentam as larvas e as protegem contra inundações e outros perigos, mas isso não quer dizer que a rainha ou as operárias tenham algum tipo de carinho ou afeto semelhante à afeição dos humanos pelas crianças. Nem parecido.

As operárias as alimentam porque larvas bem alimentadas produzem uma secreção alimentícia que as formigas sugam. É uma troca alimentar, chamada trofalaxia, base da sociedade das formigas.

Trofalaxia

Trofalaxia é um processo de alimentação em que um indivíduo transfere para outro o alimento que se encontra dentro do seu próprio tubo digestivo por regurgitação (vômito). Nas formigas, a trofalaxia é induzida pela libertação de feromônios.

Muito do comportamento de todas as formigas está relacionado, às vezes de modo sutil, com a trofalaxia.

Em algumas espécies, rainhas invadem colônias da mesma espécie, matam as operárias sentinelas na entrada e provocam tanto pânico que as operárias correm para esconder as larvas. Mas a invasora consegue pegar algumas, que quando se transformarem em operárias, aceitarão a nova rainha. Pouco a pouco, a invasora assume o comando e mata a rainha adversária.

 

Algumas curiosidades sobre as formigas

  • Existem mais de 10 000 espécies de formigas.
  • Todas as espécies se agrupam em uma única família: a das formicidae.
  • Os ancestrais das formigas surgiram há mais de 100 milhões de anos, no período Cretáceo.
  • As formigas estão distribuídas por todas as regiões do planeta, com exceção dos polos.
  • Assim como a sociedade das abelhas, a das formigas é organizada por tarefas: a de obreira, de soldado, de operário e de rainha.
  • A reprodução fica à cargo da rainha, que vive dentro do formigueiro e é maior do que todas as demais formigas.
  • Os machos morrem após se acasalarem com a rainha.
  • As operárias são todas fêmeas e tem os cuidados com a rainha entre as suas tarefas.
  • Uma operária vive sete anos e uma rainha, em média, 14 anos.
  • A maior formiga do mundo é a africana, com 5 centímetros. Entre as espécies pré-históricas, existiu uma com 6,5 centímetros.
  • Uma colônia de formigas (ou formigueiro) pode ter até 100 000 membros.
  • As formigas se comunicam com as outras através de feromônios. Ao encontrar um alimento, a formiga deixa um rastro dessa substância até o formigueiro, indicando às companheiras onde ele está.
  • As curiosas formigas-pote-de-mel abrigam alimento no seu abdômen, que serve de refeição para as demais formigas do grupo.
  • A formiga mais perigosa do mundo é a formiga de fogo. Sua picada pode causar fortes reações alérgicas na pessoa, podendo levá-la à morte.
  • Formigas são capazes de escravizar as formigas de outros formigueiros. Elas roubam as larvas do formigueiro e forçam os filhotes a fazerem trabalhos forçados.
  • Os formigueiros de algumas espécies podem ter túneis de até 12 metros de profundidade.
  • A maior colônia de formigas do mundo mede 6 mil quilômetros de extensão, se divide em milhões de formigueiros e ocupa o litoral de quase 10 países europeus.